quinta-feira, Dezembro 08, 2005

Um livro para quem faz cidade


"Uma experiência europeia em riscos naturais", é o título do mais recente livro de Fernando Rebelo, editado pela MinervaCoimbra, e cuja apresentação decorreu esta semana. A apresentação esteve a cargo de Henrique Fernandes, governador civil do distrito de Coimbra, e na sessão estiveram ainda presentes os vereadores Mário Nunes e João Rebelo.



A divulgação científica na área dos riscos aparece neste livro sob a forma de memórias de uma experiência europeia na investigação, reflexão e ensino de riscos (ditos) naturais. E se “a nossa relação com os riscos naturais não é fácil”, toda a experiência que surja relatada “com a solidez, clareza e pedagogia com que Fernando Rebelo o faz, é bem vinda”, referiu Henrique Fernandes. Para o governador civil, “promover a cultura de prevenção é, seguramente, obrigação de quem tem a responsabilidade de tudo o que tem a ver com a segurança dos cidadãos”.


Segundo Henrique Fernandes, “a capacidade de evitar as crises provocadas por catástrofes naturais, passa pelo conhecimento e divulgação daquilo que são os riscos e daquilo que podem ser os perigos. E este livro é claramente uma boa divulgação”.
A obra opta assim pela sensibilização do grande público para a questão dos riscos naturais, mas vai mais longe. “Assume informar sobre alguns dos conceitos de base que são indispensáveis à sociedade civil, e particularmente às diversas disciplinas que se relacionam com a gestão, quer do território, como os geógrafos, quer com a gestão da sociedade, como antropólogos, sociólogos, engenheiros. Enfim, a quem acaba por fazer cidade”, referiu ainda o governador civil.


Inicialmente publicados no Diário As Beiras durante dezanove semanas, os textos que agora se editam foram, entretanto, organizados, revistos e aumentados, com vista aos estudantes da área de Geografia, em que Fernando Rebelo dá aulas. Foi, também, acrescentada uma longa bibliografia, com apresentação comentada de livros estrangeiros sobre riscos, que, em parte, já tinha sido dada a conhecer na Territorium, Revista de Geografia Física Aplicada no Ordenamento do Território e Gestão de Riscos Naturais.

Sem comentários: